UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

1º semestre 2018

Você está em: Área Alunos > Grade de Horários > 1º semestre 2018

GRADE MESTRADO – 1º SEMESTRE 2018

 

 

 

Segunda-feira

 

                

Terça-feira

 

Quarta-feira

 

Quinta-feira

Desenvolvimento de projetos em Música e Interartes (2039031) –

Fabrício Carvalho e João Queiroz

NOITE

     

Estudos Avançados da Imagem e Som (2039001)  – Felipe Muanis

 

TARDE

 

 

Teorias da Arte (2039020) – Maria Lucia Bueno

 

 

TARDE

 

Teorias da Cultura e da Moda (2039002) – Elisabeth Murilho

 

 

 

TARDE

 

Obs.:

Estudos Avançados da Imagem e Som – disciplina obrigatória da linha Cinema e Audiovisual.

Teorias da Arte – disciplina obrigatória da linha Arte, Moda: História e Cultura.

Desenvolvimento de projetos em Música e Interartes – disciplina obrigatória da linha Estudos Interartes e Música.

 

Ementas e Bibliografia:

Desenvolvimento de projetos em Música e Interartes

EMENTA: O principal propósito desta disciplina é exibir e discutir produções artísticas, modelos e teorias, que recentemente investigam as relações entre diversas linguagens artísticas, entre processos e obras de arte, e entre dois ou mais sistemas de linguagem. A disciplina inclui em seu escopo de abordagens as atividades musicais criativas incluindo “música e novas mídias”, “música e outras artes”, “música, ciência e tecnologia”.

Bibliografia:

Aguiar, D.; Queiroz, J. (orgs.) Tradução, Transposição e Adaptação Intersemióticas. São Paulo: Pedro & João Editores.

Beckett, Samuel. O despovoador. Mal visto mal dito. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

Clüver, Claus 2011. Intermidialidade. Pós 1 (2): 8-23.

Clüver, Claus 2006. Da Transposição Intersemiótica. In: Márcia Arbex (org.), Poéticas do visível: ensaios sobre a escrita e a imagem. Belo Horizonte: Programa de Pós-Graduação em Letras – Estudos Literários, 107-166.

Kissane, Seán (ed.) 2010. Vertical thoughts: Morton Feldman and the visual arts. Dublin: Irish Museum of Modern Art.

Queiroz, João and Daniella Aguiar 2015. C. S. Peirce and Intersemiotic Translation. In: Peter Pericles Trifonas (ed.), International Handbook of Semiotics. Netherlands: Springer, 201-215.

Rajewsky, Irina 2005. Intermediality, Intertextuality, and Remediation: A Literary Perspective on Intermediality. Intermédialités 6: 43-64.

 

Estudos Avançados da Imagem e Som

EMENTA: Imagem e teoria televisiva.
Este curso pretende discutir a constituição da imagem e as teorias de televisão. A busca pelo conteúdo, pelo zapping e pelo zapping midiático através das posturas paleo, neo e hiper-televisivas. Os discursos primários, secundários e terciários da televisão. A televisão generalista e segmentada, o vídeo sob demanda, o over the top, a influência da internet e a espectatorialidade diante das novas tecnologias de transmissão de conteúdo televisivo. A virada imagética, a televisualidade e a televisão de qualidade redefinindo os padrões estéticos na televisão. A discussão de programas e a centralidade dos textos televisivos, as metaimagens e os programas periféricos da televisão. A proposta da imagem-ritmo como uma característica da imagem televisiva. As distinções entre imagem e o campo do visível e a expectativa imersiva da televisão. O fluxo, a grade, a pós-televisão e a discussão sobre a morte da televisão.

Referências bibliográficas:

ALLEN, Robert C. (Ed.). Channels of discourse, reassembled. North Carolina: North Carolina Press, 1992. 
CALDWELL, John Thornton. Televisuality: style, crisis, and authority in American Television. New Jersey, Rutgers, 1995.
CASETTI, Francesco; ODIN, Roger. Da Paleo à Neo-Televisão: uma abordagem semiopragmática. Ciberlegenda, n. 27, p. 8-22, 2012.
 CHATMAN, Seymour. Coming to terms: the rhetoric of narrative in fiction and film. .London: Cornell, 1990.
COLLINS, Jim. Postmodernism and television. In: ALLEN, Robert C. (Ed.). Channels of discourse, reassembled. North Carolina: North Carolina Press, 1992. p. 327-353.
ECO, Umberto. Viagem na irrealidade cotidiana. Rio de Janeiro : Nova Fronteira, 1984.
ELLIS, John. Visible Fictions: Cinema, Television, Video. New York: Routledge, 2003.
FAHLE, Oliver. Estética da televisão. Escritos sobre uma teoria das imagens televisivas. In: GUIMARÃES, César; LEAL, Bruno Souza; MENDONÇA, Carlos Camargos (Org.). Comunicação e experiência estética. Belo Horizonte: UFMG, 2006.
FEUER, Jane; KERR, Paul; VAHIMAGI, Tise. MTM ‘Quality Television’. London: BFI, 1984.
 FISKE, John.  Television Culture. New York: Rotledge, 2006.
IMDAHL, Max. Ikonik: Bilder und ihre Anschaung. In BOEHM, Gottfried. Was ist ein Bild ? München: Mink, 1994.
JOST, François. As metamorfoses da criação televisiva. Cadernos de Televisão: Revista Quadrimestral de Estudos Avançados de Televisão, Rio de Janeiro: Instituto de Estudos de Televisão n. 1, jul. 2007.

 

Teorias da Cultura e da Moda

Ementa: A proposta da disciplina é refletir sobre as transformações históricas, sociais e culturais que levaram ao desenvolvimento dos estilos de vida e da moda e a importância desses temas na modernidade e contemporaneidade. Assim, a primeira parte do curso tratará do processo de civilização dos costumes e transformação dos hábitos em sociedade. Na segunda parte o curso irá abordar as transformações e configurações da cultura de moda na modernidade e contemporaneidade, ou seja, a partir da segunda metade do século XIX até a primeira década do século XXI.  Serão analisadas as mudanças na estrutura do sistema da moda e também a relação entre moda e identidade no período.