UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

De onde vêm os bebês?

Você está em: Extensão > De onde vêm os bebês?

Coordenadora:

Profa. Maria Inês da Cruz Campos 

Discentes:

Alison Felipe de Almeida Gomes

Jane Cristina D. Correia

Loren Cássia Batalha                      

Duração: 12 meses

 

Resumo

O projeto em questão visa a montagem de uma feira no Centro de Ciências da UFJF onde será apresentada a evolução da formação dos bebês através da utilização de vídeos, pranchas fotográficas e manequins, além da ilustração com algumas peças anatômicas. A mostra será montada em um dos laboratórios do Centro de Ciências onde as crianças poderão receber maiores informações sobre a concepção dos bebês, bem como sobre os sistemas reprodutores masculino e feminino. Os acadêmicos serão treinados para acompanhar as visitas das crianças e redigirem um relatório sobre as dúvidas mais frequentes e sugestões para melhora da mostra. Fundamentação: O desenvolvimento humano é um processo contínuo que se inicia com a fecundação – união do óvulo feminino com o espermatozoide masculino. A partir daí, vão ocorrer divisões celulares, migrações destas células, morte celular programada, diferenciações, crescimento e rearranjos celulares transformando o óvulo fecundado em uma célula altamente especializada e totipotente – o organismo humano multicelular (MOORE, PERSAUD, 2008). Embora a maior parte das mudanças no desenvolvimento se realize durante os meses que se seguem da gestação, muitas alterações ainda ocorrerão nos períodos posteriores ao nascimento: infância, adolescência e início da idade adulta. O desenvolvimento não termina ao nascimento. Depois dele, ocorrem mudanças importantes além do crescimento (como as mamas, troca dos dentes, amadurecimento dos testículos, etc.) (MOORE, PERSAUD, 2008).

Objetivos: apresentar a evolução da formação dos bebês através da utilização de vídeos, pranchas fotográficas e manequins, além da ilustração com peças anatômicas; apresentar às crianças como se formam os bebês; mostrar a evolução dos fetos dentro do útero materno; desmistificar, através de linguagem apropriada, de que maneira os bebês vêm ao mundo; explicar, de maneira lúdica, a dinâmica de evolução de crescimento da barriga da mulher ao gerar uma criança; habilitar acadêmicos das áreas de saúde a participarem de mostras científicas, específicas para o público infantil, utilizando linguagem apropriada para cada idade.

Métodos: apresentação de vídeos, desenhos e manequins, confecção de peças em EVA ou massa plástica, desenhos ou imagens para colorir, visitas guiadas de alunos do ensino fundamental.

Local de realização: Centro de Ciências da Universidade Federal de Juiz de Fora.

 

foto 4

 

 

 

 

 

 

 

foto 3

 

 

 

 

 

 

 

 

foto 2