UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Histórico

Você está em: Inicial > Histórico

A criação do Instituto de Artes e Design está relacionada a uma histórica luta de reconhecimento de especificidades do campo profissional das Artes e do Design no âmbito da UFJF. Esse processo tem início em 1969, com a criação do Departamento de Desenho no ICE – Instituto de Ciências Exatas.

Na década de 1980, este departamento passou a se chamar Departamento de Desenho e Plástica. O Departamento de Desenho e Plástica reunia profissionais que atuavam com conteúdos relacionados ao desenho técnico projetivo e às artes plásticas, se encarregando de disciplinas do Curso de Desenho e Plástica, criado em 1969, bem como disciplinas dos currículos dos Cursos de Engenharia Elétrica e Engenharia Civil.

Prédio do ICE que abrigou o Curso de Artes (1969 a 2008)

Prédio do ICE que abrigou o Curso de Artes (1969 a 2008)

 Em 1981, a partir de uma Reforma Curricular proposta pelo Conselho Federal de Educação, o Curso de Desenho e Plástica foi extinto e transformado em Curso de Educação Artística, com a oferta de 3 habilitações: Bacharelado em Desenho Técnico, Bacharelado em Artes Plásticas e Licenciatura em Educação Artística. A criação do Curso de Educação Artística promoveu uma grande ampliação no rol de disciplinas lotadas no Departamento de Desenho e Plástica, com a contratação de novos professores para atender às necessidades do novo currículo.

Em 1987 o Departamento de Desenho e Plástica foi desmembrado em dois departamentos: Departamento de Desenho Técnico e Projetivo e Departamento de Artes, abrigando professores nas especificidades de suas áreas de conhecimento.

Ainda na década de 1980, diversas ações em diferentes campos já avançavam: o desenvolvimento dos projetos de curso de Graduação em Música e Graduação em Design, e a realização do Curso de Pós-graduação lato sensu em Design, em parceria com o Departamento de Desenho Técnico e Projetivo. Tais ações provocaram uma ampla reforma curricular interna e, em 1998, o Departamento de Artes passou a ser denominado Departamento de Artes e Design (DAD).

A partir de 2000, com abrangência de atuação cada vez mais ampla, o DAD criou dois outros cursos de pós-graduação lato sensu: Curso de Especialização em Arte, Cultura Visual e Comunicação, em parceria com a Faculdade de Comunicação, e o Curso de Especialização em Moda, Cultura de Moda e Arte.

Com o especificidade de seu campo de atuação, e vislumbrando um potencial de expansão, foi criado um amplo movimento em favor da autonomia acadêmica e administrativa do Departamento de Artes e Design. Como resultado, em reunião no dia 31 de janeiro de 2006, o Conselho Superior da UFJF (Consu) votou e aprovou a criação do IAD – Instituto de Artes e Design, instalando uma unidade autônoma inteiramente dedicada às Artes e ao Design no âmbito da Universidade Federal de Juiz de Fora.

Bloco A do IAD em construção (novembro de 2008)

Bloco A do IAD em construção (novembro de 2008)

 

Construção do bloco B do IAD (fevereiro de 2009)

Construção do bloco B do IAD (fevereiro de 2009)

Instituto de Artes e Design