UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Plano de Ensino

Disciplina: ESA070 - SISTEMAS DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO URBANO E RURAL

Créditos: 2

Departamento: DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA SANITARIA AMBIENTAL

Ementa Introdução aos sistemas de esgotamento sanitário.
Estudos preliminares.
Caracterização dos esgotos sanitários.
Vazões de contribuição.
Padrões de qualidade para efluentes e corpos d'água.
Dimensionamento hidráulico das unidades de um sistema de esgotamento sanitário.
Conteúdo 1. Introdução aos Sistemas de Esgotamento Sanitário
1.1. Evolução dos Sistemas de Esgotamento Sanitário.
1.2. Esgotamento Sanitário e Saúde Pública.
1.3. O Esgotamento Sanitário no Brasil.
1.4. A Situação Atual de Juiz de Fora.
1.5. Tipos de Sistemas de Esgotamento sanitário.
1.5.1. Definição.
1.5.2. Objetivos da Implantação.
1.5.3. Tipos de Sistemas de Esgotamento Sanitário.

2. Estudos Preliminares
2.1. Unidades Constitutivas de um Sistema de Esgotamento.
2.2. Normas para Projetos.
2.2.1. Estudo de Concepção de Sistemas de esgotamento Sanitário.
2.3. Estimativa Populacional: Processo geométrico, Processo Aritmético, Processo da Curva Logística, Processo da Extrapolação Gráfica - Comparativo.


3. Caracterização dos Esgotos Sanitários
3.1. Ciclo dos Usos da Água e Noções sobre Autodepuração.
3.1.1. Ciclo do Uso da Água.
3.1.1. Noções Sobre Autodepuração.
3.2. Composição e Classificação dos Esgotos.
3.2.1. Classificação dos Líquidos a Esgotar de Acordo com a Origem.
3.2.2. Composição dos Esgotos.
3.2.3. Classes do Esgoto.
3.3. Carga e Equivalente Populacional.
3.3.1. Carga.
3.3.2. Equivalente Populacional.

4. Vazões de Contribuição
4.1. Classificação dos Contribuintes.
4.2. Vazões a Esgotar e Vazões de Dimensionamento.

5. Padrões de Qualidade para Efluentes e Corpos d'Água
5.1. Padrão de Qualidade do Corpo receptor e Padrão de Lançamento.
5.1.1. Legislação Ambiental.
5.1.2. Padrão de Lançamento e Padrão do Corpo Receptor.
5.2. Noções sobre Tratamento de Esgotos.
5.2.1. Objetivos do Tratamento dos Esgotos.
5.2.2. Noções Sobre Tratamento dos Esgotos.
5.2.3. Níveis do Tratamento dos Esgotos.

6. Dimensionamento Hidráulico das Unidades de um Sistema de Esgotamento Sanitário
6.1. Unidades Básicas Constitutivas
6.2. Rede Coletora
6.2.1 Orientações para Dimensionamento
6.2.2 Materiais Empregados:
6.3. Poços de Visita
6.4. Sifões Invertidos
6.5. Interceptores e Emissários
6.6. Estações Elevatórias
6.6.1. Necessidade de Utilização
6.6.2. Classificação das Estações Elevatórias de Acordo com a PNB 569/75
6.6.3. Locação das Estações Elevatórias
6.6.4. Bombas Empregadas em Elevatórias de Esgotos
6.6.5. Potência dos Motores
6.6.6. Projeto Preliminar de Elevatórias
6.6.7. Exemplo de Dimensionamento
6.7. Projeto das Redes Coletoras
6.7.1. Características das Redes Coletoras
6.7.2. Desenvolvimento dos Coletores em Planta
6.7.3. Perfil e Declividade dos Coletores
6.8. Esgotamento Sanitário no Meio Rural - Soluções de Baixo Custo
6.8.1. Preliminares
6.8.2. Fossa Seca
6.8.3. Tanque Séptico
6.8.4. Sumidouro e Valas de Infiltração - NBR 13969/97


Bibliografia TSUTIYA, M. T.; SOBRINHO, P. A. Coleta e Transporte de Esgoto Sanitário. Editora ABES, 1999.
Bibliografia (continuação)
Bibliografia complementar Em aberto.
Voltar

Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental