UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Plano de Ensino

Disciplina: ESA053 - TRATAMENTO DE EFLUENTES LÍQUIDOS

Créditos: 4

Departamento: DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA SANITARIA AMBIENTAL

Ementa Formas de poluição hídrica. Composição do esgoto. Características dos esgotos domésticos. Processos de tratamento do esgoto. Tratamento de efluentes de hospitais. Tratamento de efluentes industriais. Tratamento de esgotos de áreas rurais.
Conteúdo PROGRAMA DA DISCIPLINA:
1. Formas de Poluição Hídrica
2. Composição do Esgoto
2.1. Esgoto doméstico
2.2. Efluentes industriais
2.3. Águas pluviais
3. Características dos esgotos domésticos
3.1. Características físicas
3.2. Características químicas
3.3. Características biológicas
4. Processos de tratamento
4.1. Processos físicos
4.2. Processos químicos
4.3. Processos biológicos
5. Níveis de tratamento dos esgotos
5.1. Tratamento preliminar
5.2. Tratamento primário
5.3. Tratamento secundário
5.4. Tratamento terciário
6. Tratamento Preliminar
6.1. Remoção de sólidos grosseiros
6.2. Remoção de areia
6.3. Remoção de óleos e graxas
7. Tratamento Primário
7.1. Remoção dos sólidos em suspensão sedimentáveis
7.2. Remoção de sólidos flutuantes
7.3. Adensamento do lodo
7.4. Secagem do lodo
7.5. Tanques sépticos
7.6. Reatores anaeróbios
8. Lagoas de Estabilização
8.1. Tipos de lagoas
8.2. Lagoas aneróbias
8.3. Lagoas facultativas
8.4. Lagoas aeradas
8.5. Lagoas de maturação
9. Tratamento Secundário
9.1. Digestão do lodo
9.2. Filtração biológica
9.3. Lodos ativados
10. Tratamento Terciário
10.1. Remoção de nutrientes
10.2. Remoção de fósforo
11. Tratamento de Efluentes Industriais
11.1. Avaliação dos efluentes industriais
11.2. Principais tipos de indústrias ¿ resíduos e tratamento
12. Tratamento do Esgoto de Hospitais
12.1. Tratamento biológico
12.2. Tratamento químico
12.3. Esterilização do esgoto tratado
13. Tratamento do Esgoto de Áreas Rurais
Bibliografia 1. BRAILE, P. M. & CAVALCANTI, J. E. W. A., Manual de tratamento de águas residuárias industriais. São Paulo: CETESB, 1979. 764 p.
2. von SPERLING, M., Introdução à qualidade das águas e ao tratamento de esgotos. Belo Horizonte: Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental; Universidade Federal de Minas Gerais, 3ª ED. 2006.
3. von SPERLING, M., Princípios básicos do tratamento de esgotos. Belo Horizonte: Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental; Universidade Federal de Minas Gerais, 1ªed. 1996.
4. von SPERLING, M., Lagoas de estabilização. Belo Horizonte: Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental; Universidade Federal de Minas Gerais, 2ª ed. 2002.
5. von SPERLING, M., Lodos ativados. Belo Horizonte: Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental; Universidade Federal de Minas Gerais, 2ª ed. 2008.
Bibliografia (continuação)
Bibliografia complementar 1. ABNT - NBR-12.209, Elaboração de projetos hidráulico-sanitários de sistemas de tratamento de esgotos sanitários. Rio de Janeiro: ABNT, 1990.
2. ECKENFELDER Jr, W. W., Industrial water pollution control. McGraw-Hill International Ed.. 1989. 40 p.
3. QASIM, Syed R., Wastewater treatment plants, planing, design and operation. Lancaster: Technomic Publishing CO., 1994. 726 p.
4. RAMALHO, R.S., Introduction to wastewater treatment processes. New York: Academic Press, Inc., 1977. 409p.
7. Tchobanoglous, George (Rev.) Wastewater engineering: treatment, disposal and reuse / Metcalf & Eddy Inc. 3.ed rev.. New York: Mc Graw-Hill, 1991. 1334 p.
8. CAVALCANTE, J. E. W. A., Manual de tratamento de efluentes industriais. Ed. Engenho Editora Técnica, 2009.
9. NUNES, J. A. Tratamento físico-Químico de Águas Residuárias Industriais. Ed. Info Graphics Gráfica e Editora, 5ª edição, 2008.




Voltar

Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental