UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Organização Curricular

Você está em: Curso > Organização Curricular

Representação gráfica e diagramático do Perfil de Formação:

>>>Gráfico

>>>Diagrama

Disciplinas de ementa aberta:

O curso poderá oferecer disciplinas de ementa aberta denominada Seminários em Telecomunicações. As disciplinas de seminários abordam temas relevantes para a área que podem variar de acordo com o tempo.No semestre em que for oferecida alguma disciplina de ementa aberta, o departamento deve informar à coordenação de curso a ementa, o programa e a bibliografia a ser utilizada.As horas-aula cursadas nas disciplinas de ementa aberta serão contabilizadas como atividade complementar para a integralização curricular.

Estágio Curricular:

Entende-se por estágio curricular qualquer atividade que propicie ao aluno adquirir experiência profissional específica e que contribua, de forma eficaz, para a sua absorção pelo mercado de trabalho.Enquadram-se nesse tipo de atividade as experiências de convivência em ambiente de trabalho, o cumprimento de tarefas com prazos estabelecidos, o trabalho em ambiente hierarquizado e com componentes cooperativistas ou corporativistas, etc.

O objetivo do estágio curricular é proporcionar ao futuro engenheiro eletricista nas suas diversas habilitações uma oportunidade de estar em contato, antes de deixar a Faculdade, com empresas da iniciativa privada, ou de economia mista, ou mesmo órgãos públicos, desenvolvendo um trabalho similar àquele que poderá vir a desenvolver, futuramente, na sua vida profissional.

Os assuntos específicos a serem tratados no estágio curricular obrigatório dependem das propostas de atividades apresentadas pelas Empresas, devendo contemplar atividades necessariamente relacionadas com a área de Engenharia Elétrica.

As atividades a serem desenvolvidas deverão ser aprovadas pela Comissão de Estágios do curso de Engenharia Elétrica da UFJF.

O estágio curricular obrigatório somente poderá ser feito pelo acadêmico que já tiver cursado 2550 horas (170 créditos) do Curso de Engenharia Elétrica –Telecomunicações da UFJF, o que ocorre geralmente após ele ter terminado o 7º período do curso, e deverá ter duração mínima de 160 horas. O estágio tem caráter de disciplina, sem aquisição de horas-aula. Sugere-se que o estágio tenha uma duração mínima de 6 meses, se possível.Deverá haver um professor (ou grupo de professores) responsável pelo estágio curricular. Esta comissão deverá ser responsável por verificar se o estágio não obrigatório previsto na Legislação pode ser computado como atividade complementar.

Atividades Complementares:

O aluno pode integralizar pelo menos 60 horas (4 créditos) em Atividades Complementares.A partir deste Projeto Pedagógico do Curso de Engenharia Elétrica, as seguintes atividades passam a ser contabilizadas como atividades complementares:

Contabilização de Créditos para as Atividades Complementares

Contabilização de Créditos para as Atividades Complementares

 Integração e interdisciplinaridade com os demais cursos:

O curso tem como meta propor projetos acadêmicos que permitam ao estudante do curso de Telecomunicações relacionar-se com as outros cursos da Engenharia Elétrica e, até mesmo, com as outras engenharias.

A integração com outros cursos acontece não só através dos professores e suas disciplinas, mas, também, através dos alunos, nas atividades de iniciação científica e projetos de pesquisa. Faz parte da estratégia do curso não limitar os esforços de integração/interdisciplinaridade.

Trabalho final de curso:

O Trabalho Final de Curso é uma disciplina com 90 horas-aula (6 créditos) e segue todas as orientações do RAG (Regimento Acadêmico da Graduação) da UFJF. Portanto o aluno deve receber uma nota de 0 a 100 pontos e, para ser aprovado, deve obter uma nota superior a 60 pontos.

A partir do período em faltarem apenas 930 horas-aula (62 créditos) em disciplinas para serem cursados para integralizar o seu currículo, o aluno poderá se matricular na disciplina de Trabalho Final de Curso.

O Trabalho Final de Curso deve ser orientado por um professor do Curso de Engenharia Elétrica e deverá ser avaliado em sessão pública por uma comissão de avaliação através de uma apresentação oral de no mínimo 30 minutos. A comissão de avaliação será presidida pelo professor orientador e deve conter pelo menos outro professor do Curso de Engenharia Elétrica.

O objetivo do Trabalho Final de Curso é fazer com que o discente realize uma atividade integralizadora do conhecimento adquirido ao longo do Curso e possa colocar em prática as habilidade e competências adquiridas. Adicionalmente, a apresentação oral do Trabalho Final de Curso é fundamental para que o aluno desenvolva a habilidade de realizar apresentações e defender argumentos técnicas.

 

Graduação em Engenharia Elétrica – Telecomunicações