Professores que irão atuar no campus de Governador Valadares tomam posse

Reitor agradeceu aos novos docentes por terem escolhido a UFJF para desenvolver seus trabalhos (Fotos: Alexandre Dornelas)

O primeiro grupo de docentes do campus avançado da UFJF em Governador Valadares tomou posse nesta quarta-feira, dia 8, às 10h, no anfiteatro da reitoria. Ao todo, 27 profissionais assinaram o termo de posse. Eles irão desempenhar suas atividades nos departamentos de Administração, Anatomia, Biologia, Bioquímica, Botânica, Ciências Contábeis, Direito, Economia, Farmácia, Fisiologia, Fisioterapia, Medicina, Morfologia, Nutrição e Odontologia.

Carlos Elízio Barral falou sobre a alegria do novo trabalho, mas ressaltou que o momento é de “arregaçar as mangas”. “Começar um novo campus é um desafio muito grande, que precisava ser enfretado. Tenho a convicção de que a expectativa da cidade de Governador Valadares e região é muito grande. Mas eu estou muito mais tranquilo agora com a chegada de vocês”, afirmou.

Formado em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), Adamô Dias Alves foi um dos professores empossados. Filho de professor, ele conta que sempre admirou a profissão e está realizando um sonho. Ele saiu de Peçanha, cidade vizinha, a 100km Governador Valadares, para estudar em Belo Horizonte e comemora a oportunidade de estar voltando para perto de casa. “Historicamente, a região do Vale do Rio Doce nunca teve muito investimento, mas agora tem tudo para mudar isso. A chegada da UFJF à cidade traz grandes oportunidades de desenvolvimento e eu me sinto feliz por poder fazer parte dessa história por meio da educação que, para mim, é o principal meio para se desenvolver.”

Natural de Ubá, Danielle Telles da Cruz era uma das mais emocionadas. Ela veio para Juiz de Fora em 2002 para fazer pré-vestibular e cursou medicina na UFJF onde, mais tarde, também fez o seu mestrado e foi professora substituta. Ela revela que a oportunidade de poder trabalhar em uma instituição federal e seguir carreira pesaram na decisão, mas não foi o principal. “A UFJF é a minha casa. Eu tenho um vínculo afetivo muito grande com a instituição e por isso não pensei duas vezes na hora de fazer o concurso”, afirma.

Para a nova professora, o início do trabalho será de muita dificuldade, mas as expectativas são as melhores. “Acredito que vamos desenvolver um excelente trabalho. O momento agora é de focar nas aulas em sala, mas depois vamos começar a pensar nas pesquisas e outras áreas do ensino. É um trabalho gradativo.”

Eduardo Beber, professor de anatomia, concorda com a colega. Natural de Jundiaí, interior de São Paulo, o professor já rodou o país. Cursou medicina na Mackenzie, na capital paulista, estava lecionando no campus de Cajazeiras da Universidade Federal de Campina Grande, na Paraíba, e afirma que Governador Valadares não fica devendo em nada para as outras cidades. “Eu estive lá há uma semana e a cidade é incrível. Tem um bom porte e tudo o que a gente precisa. Além disso, é a chance de começar um trabalho do zero e participar da história da cidade. Sem contar que eu também estarei mais perto da minha família.”

Ao todo, 27 docentes assinaram o termo de posse e estão aptos ao trabalho

O reitor Henrique Duque encerrou o evento parabenizando os novos professores e os lembrou da responsabilidade que eles terão ao serem pioneiros em um novo trabalho. “Dizem que ‘a primeira impressão é a que fica’, então vamos batalhar para que a nossa primeira impressão seja a melhor possível. Nós éramos a única universidade federal que não tinha um campus avançado, agora nós temos. Por isso, peço a todos que tenham discernimento e paciência para os momentos de dificuldade, além de garra e vontade para fazermos o melhor. Nós vamos precisar muito de vocês, porque estamos fazendo isso tudo muito rápido e eu quero ver a UFJF brilhar”.

O reitor ainda fez uma comparação com Jogos Olímpicos, que estão acontecendo em Londres, dizendo que os professores estavam recebendo algo que se compara a uma medalha de ouro e agradeceu por “terem escolhido a UFJF para desenvolver seus trabalhos”.

Além do reitor da UFJF e do pró-reitor de Planejamento, também estiveram presentes a pró-reitora de Recursos Humanos, Jackeline Fayer, o pró-reitor adjunto de Recursos Humanos, Sebastião Girardi e a coordenadora de Formação e Avaliação de Pessoal, Kátia Castro.

Confira a lista dos novos docentes:

Geová José Madeira:

Ciências Contábeis

Henrique Almeida de Queiroz

Administração

Marinette Santana Fraga

Ciências Contábeis

Adamô Dias Alves

Direito

Heron Abdon Souza

Direito

Carolina Rodrigues Correa

Economia

Karla Vanessa Batista da Silva Leite

Economia

Maria Viviana de Freitas

Economia

Angelo Márcio Leite Denadai

Farmácia

Kristerson Reinaldo de Luna Freire

Farmácia

Lina Rodrigues de Faria

Fisioterapia

Danielle Telles da Cruz

Medicina

Luiz Eduardo de Almeida

Odontologia

Roberta Passos do Espírito Santo

Odontologia

Antônio Frederico de Freitas Gomides

Biologia

Cibelle Velloso Rodrigues

Biologia

Eduardo Henrique Beber

Anatomia

Evelise Aline Soares

Anatomia

Gabriel Maisonnave Arisi

Fisiologia

Ione Maria de Matos

Fisiologia

Luciana Karen Calábria

Bioquímica

Maria Cristina de Albuquerque Barbosa

Nutrição

Ralph Gruppi Thomé

Morfologia

Reggiani Vilela Gonçalves

Morfologia

Reinaldo Duque Brasil Landulfo Teixeira

Botânica

Jefferson Ribeiro Nogueira

Matemática

Michele Cristina Valentino

Matemática

Outras informações: (32) 2102-3930 – Pró-reitoria de Recursos Humanos

Compartilhe: