Acupuntura é tema de reunião pública no anfiteatro da Faculdade de Educação

acupuntura

Acupuntura é considerada pela ONS um tratamento complementar (Foto: Mikefats)

O Grupo de Pesquisa Práticas Não Convencionais em Saúde da Faculdade de Enfermagem realiza nesta sexta, 11, às 15h, no anfiteatro da Faculdade de Educação, uma reunião aberta que vai tratar da Medicina Tradicional Chinesa – acupuntura. Os palestrantes vão expor o tema, discutir como funciona essa prática e a maneira que é realizada em humanos e animais. A reunião é gratuita e aberta para toda comunidade. Ainda há vagas.

A reunião contará com a presença de William Costa Estellai, veterinário pós-graduado em acupuntura veterinária pelo instituto Jacqueline Pecker, que falará sobre acupuntura em animais, e Amaralina Rodrigues de Azevedo, enfermeira especializada em acupuntura em humanos.

Desde 2006, a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS propõe que acupuntura esteja incluída entre os serviços oferecidos a toda a população. O objetivo da reunião é que seja proporcionada uma discussão sobre essas práticas. Além de alunos e profissionais da área da saúde, são bem-vindos todos os que quiserem conhecer e buscar essas práticas para manter seu bom estado de saúde e até mesmo prevenir doenças.

A acupuntura é um ramo da medicina tradicional chinesa e, conforme terminologia da Organização Mundial da Saúde (OMS), é considerada como um método de tratamento complementar. O método consiste na aplicação de agulhas em pontos definidos do corpo, distribuídos pelas linhas chamadas de “meridianos chineses”.

Mais informações na página do Grupo de Pesquisa Práticas Não Convencionais em Saúde – UFJF no Facebook  

Compartilhe: