Professora Guiomar de Grammont faz palestra, na UFJF, sobre livro que questiona existência de “Aleijadinho”

A Coordenação do Laboratório de Patrimônios Culturais da Universidade Federal de Juiz de Fora (LAPA) promove a partir desta na quarta-feira, 11 de março, um ciclo de palestras. A professora Guiomar de Grammont,  autora do polêmico livro “Aleijadinho e o Aeroplano:o paraíso barroco e a construção do herói colonial” é a primeira a se apresentar e fará uma palestra com o tema “Aleijadinho e o Aeroplano:o processo da invenção histórica de um herói barroco”.

De acordo com o Coordenador do Laboratório, professor Marcos Olender, o LAPA é um grupo de pesquisa sediado no Departamento de História da UFJF e que tem a preocupação, na sua própria composição e nos eventos e projetos que realiza, de forma interdisciplinar e interinstitucional, de promover ações, estudos e pesquisas acerca dos patrimônios culturais, da forma como foram constituídos, se desenvolveram e consolidaram-se, bem como das possibilidades de preservação dos mesmos.
Ele destaca ainda que a conferência da professora Guiomar de Grammont é a primeira dentro de um ciclo de palestras que deve se desenvolver durante todo o primeiro semestre, com uma palestra por mês, e que tem como tema a rediscussão do barroco brasileiro.

A palestrante é historiadora formada pela UFOP, mestre em Filosofia pela UFMG. Doutora em Literatura Brasileira pela USP. Estudou na Ecole de Hautes Etudes en Sciences Sociales de Paris, sob orientação de Roger Chartier, em 1999 e 2000, onde foi professora convidada em maio de 2007. É escritora, dramaturga e, atualmente, diretora, eleita pela comunidade universitária e reconduzida em novo mandato, do Instituto de Filosofia Artes e Cultura da Universidade Federal de Ouro Preto.

a

Professora fará palestra gratuita no anfiteatro do ICH

Em seu recente livro “Aleijadinho e o Aeroplano”, Guiomar de Grammont, apresenta a tese de que Aleijadinho não “existiu” e sim Antônio Francisco Lisboa, escultor pobre, que viveu em Vila Rica no século XVIII e teve uma vida muito mais prosaica do que a do mito consagrado na história. Em sua obra, ela afirma que existiram diversos “Aleijadinhos”, inventados à medida que se deu a construção nacionalista de uma imagem da “arte brasileira” em diferentes contextos, do século XVIII até hoje. Cada momento criou o seu Aleijadinho em diversos gêneros literários e científicos, segundo a autora que é doutora em barroco mineiro e diretora do Instituto de Filosofia Artes e Cultura da Universidade Federal de Ouro Preto.

A professor Guiomar de Grammont organizou ainda diversos congressos nacionais e internacionais, inclusive o colóquio Autour du Brésil Baroque, em Paris, em novembro de 1999. Concebeu e coordenou o Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana Fórum das Artes , por quatro edições, de 2004 a 2007, e o Fórum das Letras , quarta edição a ocorrer em novembro de 2008. Fez a curadoria do Botequim Filosófico na Bienal do Livro do Rio de Janeiro em 2007 e do Café Literário da primeira Bienal de Minas Gerais, em maio de 2008. Em abril de 2008, realizou, juntamente com a escritora Inês Pedrosa, o Letras em Lisboa , encontro de escritores lusófonos, no Teatro São Luís e na Casa Fernando Pessoa, em Lisboa. Como escritora, obteve, em Cuba, o “Prêmio Casa de Las Americas 1993″, com o livro de contos: O fruto do vosso ventre . Foi premiada com a Bolsa da Fundação VITAE de Artes de São Paulo, para realizar o romance Fuga em Espelhos (Giordano: 2001). Em 2002, publicou o livro bilingüe Caderno de Pele e de Pelo / Cahier de Peau et de Poil . Em 2003, o ensaio Don Juan, Fausto e o Judeu Errante em Kierkegaard , pela Catedral das Letras, de Petrópolis. Em 2006, “Sudário”, pela Ateliê, de São Paulo. Em 2008, publicou Aleijadinho e o Aeroplano , pela Civilização Brasileira.

A palestra é gratuita e aberta à participação de toda comunidade.

Palestra: “Aleijadinho e o Aeroplano: o processo da invenção histórica de um herói barroco”
Palestrante: Profa. Dra. Guiomar de Grammont (Diretora do IFAC-UFOP)
Local: Anfiteatro do ICH
Data: Quarta-Feira, 11 de março, às 19h
Promoção: LAPA (Laboratório de Patrimônios Culturais)
Apoio: Programa de Pós-Graduação em História, Departamento de História da UFJF e Livraria Liberdade

Outras informações: 2102-3967/ olender@terra.com.br

Compartilhe: