UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

ISSN 1519-5759

Volume 8 – N° 1 e 2 – jan. – dez. 2006

Você está em: Edições Anteriores > Volume 8 - N° 1 e 2 - jan. - dez. 2006 > Volume 8 - N° 1 e 2 - jan. - dez. 2006

Escravidão, família escrava e mulheres forras no sertão baiano (século XIX)

Washington Santos Nascimento

 

Resumo: Neste trabalho, procura-se caracterizar e discutir a família escrava e as relações de poder entre forras e ex-senhores no sertão baiano da segunda metade do século XIX, mais propriamente no Arraial do Brejo Grande (atual Ituaçu), região Sudoeste da Bahia. Analisando a situação dos escravos naquela região percebe-se uma dinâmica diferente da existente no Recôncavo baiano, no que se refere a formação e mobilidade da família escrava e a luta das mulheres forras na justiça, contra seus ex-senhores, pela tutela de seus filhos.

Palavras-chave: 1. escravidão; 2. família escrava; 3. mulheres forras; 4. sertão.

 

Abstract: In this work, it tries to characterize and to discuss the slave family and the relationships of power among you cover and former-gentlemen in the interior from Bahia of the second half of the century XIX, more properly in the Camp of the Big Swamp (current Ituaçu), Southwest area of Bahia. Analyzing the slaves’ situation in that area is noticed a dynamics different from the existent in Recôncavo from Bahia, in what he/she refers the formation and mobility of the slave family and the women’s fight you cover in the justice, against your former-gentlemen, for the it tutors of your children.

Key works: 1. slave; 2. slave family; 3. women’s fight; 4.interior.

 

NASCIMENTO, Washington Santos. Escravidão, família escrava e mulheres forras no sertão baiano (século XIX). Revista Eletrônica de História do Brasil. Juiz de Fora, volume 8, número 1 e 2, jan-dez, 2006.

 

« voltar

Revista Eletrônica de História do Brasil – REHB