UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

ISSN 1519-5759

Volume 7 – N° 2 – jul. – dez. 2005

Você está em: Edições Anteriores > Volume 7 - N° 2 - jul. - dez. 2005 > Volume 7 – N° 2 – jul. – dez. 2005

Aspectos da administração portuguesa na América: um estudo de caso sobre as funções do provedor-mor da Bahia no século XVIII

Charles Nascimento de Sá

 

Resumo: O artigo analisa o Regimento do Provedor Mor da Fazenda do Estado do Brasil de 1762. Esse documento apresenta as funções e tarefas que o provedor mor devia realizar na inspeção dos comboios provenientes da Europa e das Índias, que aportavam em Salvador. Analisar os aspectos da administração lusitana no Brasil e as tarefas que deviam ser efetuadas pelo provedor é o objetivo desse artigo. Verificar o aparato burocrático, o comércio marítimo entre Brasil e o Império Português, os mecanismos usados para se evitar desvios e sonegações e as obrigações quanto ao concerto e manutenção das provisões nas naus são os outros objetivos desse trabalho.

Palavras-chave: Regimento, Administração, Comércio marítimo.

 

Abstract: The article analyzes the Regiment of Supplying Mor of Finance of the State of Brazil 1762. That document presents the functions and tasks that the supplying mor should accomplish in the inspection of the coming convoys of Europe and of India, that contributed in Salvador. To analyze the aspects of the administration lusitana in Brazil and the tasks that should be made by the supplier is the objective of that article. To verify the bureaucratic apparatus and the mechanisms used to avoid deviations and defraudments as well as its obligations with relationship to the concert and maintenance of the provisions in the naus are the other objectives of that work.

Keywords: Regiment, Administration,Marine trade.

 

SÁ, Charles Nascimento de. Aspectos da administração portuguesa na América: um estudo de caso sobre as funções do provedor-mor da Bahia no século XVIII. Revista Eletrônica de História do Brasil. Juiz de Fora, volume 7, número 1, jan-jun, 2005.

 

« voltar

Revista Eletrônica de História do Brasil – REHB