UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

ISSN 1519-5759

Volume 7 – N° 1 – jan. – jun. 2005

Você está em: Edições Anteriores > Volume 7 - N° 1 - jan. - jun. 2005 > Volume 7 - N° 1 - jan. - jun. 2005

A construção da Medicina Tropical e a visão ideológica dos trópicos contexto histórico da Medicina Tropical e a visão de Carlos Chagas

Marli B. M. de Albuquerque Navarro

 

Resumo: A medicina e as observações científicas incorporam noções de valores culturais associados aos aspectos climáticos para definir um grupo nosológico específico denominado “doenças tropicais”, “patologia dos climas quentes” ou ainda “doenças exóticas”. Pretendemos resgatar neste estudo a relevância do aspecto climático na definição de patologias, enfatizando as interseções ideológicas, políticas e culturais que contribuíram para a formulação de correntes de pensamento preocupadas em discutir cientificamente a importância do clima na construção ideológica de um “mundo particular”, os trópicos.

Palavras-chave: Patologias tropicais, Medicina Tropical – antropologia, clima, Carlos Chagas – Medicina Tropical

 

Abstract: Medical science and scientific observation incorporate notions of cultural values, associated to climate aspects in order to define a specific nosological group called “tropical disease”, “warms climates pathology” or even “exotic disease”. Our aim in this study is to take account the importance of climate point of view in the definition of pathologies, emphasizing ideological, politic and cultural intersections, which contributed for the formulation of lines of thoughts concerned to discuss scientifically the importance of the climate in the ideological building of a “particular world”, the tropics.

Key-words: Tropical patologies, Tropical Medicine – antropology, environment, Carlos Chagas – Tropical Medicine

 

NAVARRO, Marli B. M. de Albuquerque. A construção da Medicina Tropical e a visão ideológica dos trópicos contexto histórico da Medicina Tropical e a visão de Carlos Chagas. Revista Eletrônica de História do Brasil. Juiz de Fora, volume 7, número 1, jan-jun, 2005.

 

« voltar

Revista Eletrônica de História do Brasil – REHB