UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Seminário, oficina e reunião sobre Extensão reafirmam potencialidade e motivação em Governador Valadares

Data: 6 de outubro de 2014

DSC01477

Ao esclarecer o que é e o que faz a Extensão, o seminário foi uma oportunidade para professores, alunos TAE´s e interessados buscarem ampliar os trabalhos para a comunidade

A Extensão da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) realizou, nos dias 2 e 3 de outubro, uma série de encontros com a comunidade acadêmica de Governador Valadares a fim de consolidar e ampliar as atividades extensionistas do campus de GV. No entanto, as discussões, os debates e as apresentações foram responsáveis por impactar além da definição de ideias e diretrizes para a atuação nos próximos anos. Eles reafirmaram o fortalecimento do sentido de trabalho em conjunto, uma vez que a potencialidade em Valadares é tida como altamente promissora.

Portanto, de acordo com o pró-reitor de Extensão, professor Leonardo Carneiro, essa iniciativa buscou, num primeiro plano, dinamizar, articular e organizar docentes, discentes e funcionários. “Temos em GV um corpo acadêmico sensível e competente com vontade de investir na Extensão enquanto dinamizador do ensino superior. Conseguimos estabelecer um diálogo rico tanto de vista da compreensão dos processos quanto de contribuição das nossas políticas.”

???????????????????????????????

O pró-reitor de Extensão, Leonardo Carneiro, alinha atuação das equipes de Juiz de Fora e de Governador Valadares

O primeiro encontro, na parte da manhã do dia 02, tratou de uma reunião interna com as equipes de Juiz de Fora e a de Valadares com enfoque em demandas e funcionamento. Na parte da tarde, um seminário aberto a docentes, técnico-administrativos, alunos e demais interessados debateu a respeito dos desafios e das expectativas para os trabalhos extensionistas.

Também nessa ocasião, foi oficializada a criação da coordenação de Extensão em Governador Valadares, sob os cuidados do professor Reinaldo Duque. Segundo este, alguns objetivos dessa efetivação são a manutenção de laços e a melhora de comunicação. “É um desafio, pois somos um grande potencial com um corpo docente qualificado e estudantes motivados e interessados. Há dificuldades estruturais devido à implantação do campus por não termos a nossa casa própria. Porém, esperamos superar com um trabalho de maneira participativa e coletiva, buscando sempre integrar.”

DSC01543

Na oficina só para professores, questões funcionais foram discutidas e esclarecidas

No último dia, a coordenação de Projetos da Extensão reuniu-se exclusivamente com os professores. Assim, foi possível esclarecer dúvidas sobre institucionalização de projetos, eventos e cursos, além de procedimentos para convênios. A docente do departamento de Ciências Contábeis, Schirley Maria Policário, reconheceu o encontro como uma oportunidade de formação, porque “o crescimento da Extensão parte de nós, professores. Por exemplo, dentro da sala, devemos buscar o que podemos fazer para motivar os alunos. Somos verdadeiros intermediadores e multiplicadores desse conhecimento que tivemos por meio do seminário. Replicar com colegas e alunos, isso parte de nós.”

???????????????????????????????

No fim do evento, os docentes apontaram-se como intermediadores e multiplicadores das iniciativas extensionistas

O acadêmico de Administração, Guilherme Amaro Cabral, faz coro para a expansão de oportunidades extensionistas. “Gostaria sim de participar de uma atividade de extensão. Eu tinha noção superficial do que é essa área, mas as apresentações foram extremamente esclarecedoras. Para nós, alunos, também foi muito produtivo.”

Coordenadora de um projeto na Apae, contemplado com recursos federais do Programa de Extensão Universitária 2015 (ProExt), a professora do departamento de Nutrição Nilcemar Rodrigues Carvalho aponta a experiência fora da Universidade como garantidora de uma sólida vivência prática aos discentes. “É importante conhecer as demandas da sociedade antes de ser um profissional. Assim, os futuros formados poderão trabalhar respeitando e em consonância com a sociedade. Isso favorece uma troca de conhecimento, pois o aluno precisa entender que tem um compromisso social. Sendo parte da Universidade, não se deve valorizar o ensino desassociando-o da Extensão.”

 

Outras informações: (32) 2102 – 3971 (Assessoria de Comunicação da Extensão)

 

Siga a Extensão nas redes sociais: FacebookTwitter