UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

ANÁLISE DE DEFEITOS EM COORDENADAS DE FASE UTILIZANDO MODELAGEM A QUATRO CONDUTORES E FLUXO DE POTÊNCIA CONTINUADO

Você está em: Produção Bibliográfica > Dissertações > 2008: 9 dissertações > ANÁLISE DE DEFEITOS EM COORDENADAS DE FASE UTILIZANDO MODELAGEM A QUATRO CONDUTORES E FLUXO DE POTÊNCIA CONTINUADO

Download:

 

Área de Concentração:
Sistemas de Energia Elétrica

 

Resumo:
Na maioria das metodologias de fluxo de potência e análise de faltas, os efeitos dos cabos neutros e dos aterramentos do sistema são negligenciados ou incorporados nas fases, através da redução de Kron. Desta forma, as correntes e tensões de neutros e aterramentos permanecem desconhecidas, limitando a análise.
Neste trabalho é apresentada uma formulação para o cálculo de defeitos em coordenadas de fase através da modelagem completa do sistema trifásico a quatro condutores, com representação explícita do condutor de neutro e das impedâncias de aterramento do sistema. Os desequilíbrios da rede e da carga, impedâncias mútuas, gerações dispersas, transformadores com suas mais variadas conexões e formas de aterramento também são considerados na modelagem. Adicionalmente, as cargas podem ser representadas durante o defeito como potência constante, corrente constante, impedância constante, ou ainda qualquer combinação entre estes modelos.
A metodologia de solução é baseada na técnica do fluxo de potência continuado, onde as impedâncias que representam o defeito são os parâmetros de continuação. A formulação é de uso geral podendo ser utilizada na solução de qualquer tipo de defeito em sistemas de transmissão, subtransmissão, distribuição e industriais.
Foram aplicadas diversas faltas, simples e simultâneas, em sistemas didáticos, sistemas de teste do IEEE, e em sistemas elétricos reais, onde se constatou a eficiência da metodologia proposta para análise de defeitos, destacando-se os estudos de afundamento de tensão.