UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

ANÁLISE ESTÁTICA DA ESTABILIDADE DE TENSÃO VIA FORMULAÇÃO DE INJEÇÃO DE CORRENTE

Você está em: Produção Bibliográfica > Dissertações > 2002: 6 dissertações > ANÁLISE ESTÁTICA DA ESTABILIDADE DE TENSÃO VIA FORMULAÇÃO DE INJEÇÃO DE CORRENTE

Download:

 

Área de Concentração:
Sistemas Elétricos de Potência

 

Resumo:
Esta tese apresenta a análise estática da estabilidade de tensão, utilizando uma formulação de injeção de corrente na solução do problema de fluxo de potência. São apresentados estudos referentes ao fluxo de potência continuado, ao método direto de obtenção do ponto de colapso e à análise modal. A utilização da formulação de injeção de corrente nesta análise, reduz consideravelmente o esforço computacional, além de manter as mesmas características de convergência da formulação convencional Newton-Raphson expressa em termos das coordenadas polares e retangulares. Este ganho deve-se basicamente à estrutura da matriz Jacobiana, constituída basicamente dos elementos da matriz admitância nodal, que são mantidos constantes durante todo o processo iterativo. O programa computacional implementado é de fácil utilização devido a sua interface gráfica, gerando arquivos gráficos e numéricos referentes a cada estudo realizado. As principais opções de simulação disponíveis no programa são a escolha da formulação a ser utilizada, a aplicação dos limites de geração de potência reativa das máquinas síncronas, a distribuição da geração ativa entre as unidades disponíveis pré-selecionadas pelo usuário, a escolha do tipo de fator de potência das cargas, a determinação da área do sistema a ser estressada e a escolha do modelo de carga adotado. As metodologias propostas são validadas pelos resultados apresentados, constituindo-se desta forma, em ferramentas de grande valia na análise da estabilidade de tensão dos sistemas elétricos de potência.