UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Tomografia por Impedância Elétrica

Você está em: Pesquisa > Tomografia por Impedância Elétrica

Clique na figura abaixo para ver uma animação da sequência da distribuição dos potenciais elétricos em um modelo simplificado do dorso causado por injeções de correntes em eletrodos diametralmente opostos.

 

Potencial elétrico no dorso estimulado diametralmente

 

Como pode ser visto na figura acima, a distribuição do potencial elétrico no domínio e consequentemente no contorno é alterada pela variação na condutividade no domínio.

As cavidades dos ventrículos, preenchidas por sangue,  são  modeladas com uma condutividade maior que a dos tecidos circundantes.

 

O objetivo da TIE é a determinação da distribuição de condutividades em um domínio, a partir dos valores de potencial elétrico medidos em eletrodos dispostos no contorno decorrentes de  um conjunto de injeções de corrente elétrica.

Na animação acima o modelo é bidimensional, mas estamos iniciando a aplicação a modelos tridimensionais simples.

A figura abaixo mostra a distribuição de potencial elétrico em um domínio circular, com uma cavidade (condutividade nula) esférica.