UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Territórios da Vida: Construindo uma Cartografia Social pelo Direito à Cidade

Você está em: Projetos Vinculados > Territórios da Vida: Construindo uma Cartografia Social pelo Direito à Cidade

O projeto “Territórios da Vida: Construindo Uma Cartografia Social Pelo Direito à Cidade” é um projeto de extensão e em interface com pesquisa que visa intercambiar conhecimentos relativos à cartografia social com as comunidades habitantes de três áreas de especial interesse social (AEIS) de Juiz de Fora.
O objetivo principal do projeto é construir uma cartografia com as comunidades, que além de propiciar a localização e a identificação das demandas sociais, intenta estimular o processo de organização coletiva, construindo atividades para (re)conhecimento no/do território e dando-lhes visibilidade através de suas histórias, conflitos e reivindicações que tangem o direito à cidade.
A cartografia social se insere no contexto da participação comunitária dos grupos sociais organizados, na busca pelo reconhecimento, identidade e afirmação no/do espaço vivido. Nesse sentido, grafar socialmente o espaço significa articular experiências e saberes que se mesclam no processo de construção de uma imagem coletiva do território, produzindo através de mapas temáticos, informativos, croquis e textos de representação do lugar, práticas associativas com intuito de ampliar os horizontes das populações, contribuindo para a orientação e elaboração de políticas públicas mitigadoras das desigualdades.

Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Trabalho coletivo do LATUR – Laboratório de Territorialidades Urbano-Regionais/Departamento de Geociências/UFJF sob a coordenação da Dra. Maria Lucia Pires Menezes e a participação dos bolsistas Watuse Miriam Geraldo ( FAPEMIG), Regis Francisco Rafael da Silva (FAPEMIG), Ricardo Antônio Santos da Silva ( Extensão), Gabriel Lima Monteiro ( Extensão), Elisangela Aparecida Damasceno ( Extensão), Natanael Laporta Senador ( BIC), Daniel Cesário Baesso (BIC).

Integrantes: Maria Lucia Pires Menezes – Coordenador.

 

<<voltar