UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Tecnologia 3D

Você está em: Física à sua volta > Tecnologia 3D

Por: Deborah S. Franco

 

Bom, antes de falarmos sobre essa tecnologia que hoje está muito presente em nossas vidas, vamos entender primeiro como funcionam nossos olhos.

Em primeiro lugar, poucas pessoas sabem que enxergamos invertido, isso mesmo, vemos as imagens de cabeça para baixo!  Porém o sinal visual é enviado para o cérebro que “desinverte” a imagem. O olho, juntamente com cérebro é o que te permite estar lendo esse texto agora, o olho é um receptor para a luz. Quando olhamos na direção de algum objeto, a imagem atravessa a córnea e chega à íris, que regula a quantidade de luz através da pupila. Passada a pupila a imagem chega ao cristalino e é focada sobre a retina: na retina, milhões de células fotorreceptoras transformam as ondas luminosas em impulsos eletroquímicos, que faz com que o cérebro consegue entender como imagem.

 

                olho_img1

 

 

Uma vez que entendemos como as imagens são captadas por nós, podemos entrar no mundo 3D. As imagens são aquelas que nos dão a sensação de profundidade e distância. Como já foi dito, nosso olho esquerdo enxerga um pouquinho diferente do olho direito, e isso tem o nome de estereoscopia. Esse fato é facilmente perceptível se você olhar de perto um objeto primeiro apenas com o olho esquerdo, e depois apenas com o direito. Quando você vai a um cinema convencional, só existe um projetor para que você possa ver o filme: no caso do 3D são dois, um para cada olho, e cada um tem um ângulo de filmagem diferente. As duas imagens são projetadas na tela simultaneamente, em cada uma das lentes dos óculos – vermelha e azul – e projetada para enxergar apenas uma das camadas, bloqueando a outra, assim cada olho só percebe uma das imagens e seu córtex visual é quem faz o truque de combinar as imagens e seu cérebro é enganado percebendo a imagem em três dimensões.

Embora essa tecnologia só agora tenha começado a se desenvolver, seus princípios e as primeiras experiências já têm  mais de meio século. Para se ter uma ideia em 1952, nos Estados Unidos, foi exibido o primeiro filme em 3D nos cinemas. Claro, nada como é apresentado nas modernas salas de hoje em dia, mas a experiência de ter a impressão de ver as imagens saindo da tela causou furor no público.

Com as tv’s não é muito diferente. O grande segredo de não precisar de óculos, está nas telas de cristal liquido. Quando combinadas lentes especiais (visores autoestereoscópicos) com a maior frequência de transição de imagens, o resultado é a projeção de uma imagem que é captada pelo olho humano como sendo em terceira dimensão. Na televisão 3D são geradas duas imagens simultâneas, que vistas através de uma lente no próprio cristal líquido, fazem com que o cérebro perceba apenas uma única imagem, criando a ilusão da terceira dimensão.

Sobre este assunto é interessante assistir ao vídeo que se encontra abaixo:

 YouTube – Como funciona a Tecnologia 3D

 

 

Que tal ir assistir um bom filme e desfrutar da tecnologia 3d agora?

 

31413364400_03b24d4976_b

 

Bibliografia:

www.tecmundo.com.br  Acessado em 05/09/13

http://www.cbo.com.br/novo/publico_geral/o_olho_humano Acessado em 12/09/13

 

http://www.muitox.com.br/como-funciona-a-tecnologia-3d/      Acessado em 13/09/13

www.youtube.com

 

voltar

Compartilhe:

    Projeto Física e Cidadania


    Acessos desde 02/04/2013: 376,909