UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Por que aprender Mecânica Clássica?

Você está em: Ciência: uma construção humana > Por que entender Ciência? > Por que aprender Mecânica Clássica?

Por: Pablo Rafael

 

Quem nunca se perguntou o motivo pelo qual estuda determinada matéria na escola, na faculdade ou em qualquer outro lugar? Muitas vezes nos pegamos pensando que estudamos coisas demais e não vemos aplicação prática do que é apresentado na escola. Mas, na verdade, sempre existe uma boa aplicação para cada conteúdo aprendido, bastando abrir os olhos para enxergarmos as maravilhas que a Física pode nos proporcionar no dia a dia.

A Física como um todo é largamente aplicada em todas as áreas de estudo, mas nos focaremos aqui nas aplicações diárias de apenas uma parte dessa grande ciência, a Mecânica Clássica, que sem dúvida pode ter tirado o sono de muitos na escola básica e no ensino superior.

A Mecânica surgiu há bastante tempo, Aristóteles, por exemplo, já estudava tal ciência; é claro que não tinha ainda esse nome. Como toda grande área de estudo ela sofreu grandes modificações e adaptações até chegar na atual base teórica. Um exemplo clássico dessas modificações é o caso do entendimento a respeito de força e movimento. Aristóteles pensava que para haver movimento necessariamente deveria existir a aplicação de uma força, e que essa força acompanhava o movimento, cessando a força cessa também o movimento. Esse pensamento foi ao longo do tempo se modificando, devido às ideias introduzidas por grandes cientistas como Galileu Galilei. Hoje sabemos que o movimento pode ocorrer mesmo sem a existência de forças aplicadas sobre o corpo.

As aplicações da Mecânica Clássica abrangem pesquisas avançadas em laboratórios, bem como aplicações na engenharia, e uma série de situações no nosso dia a dia. A Gravitação Universal, por exemplo, tem grande importância histórica, pois modificou o entendimento da humanidade a respeito dos movimentos de planetas, bem como o funcionamento do Universo. As tecnologias geradas nessa área são enormes, como por exemplo, o lançamento de foguetes possibilitando a exploração espacial pelo ser humano, lançamento e manutenção de satélites que são utilizados para transmissão de televisão, GPS, mapeamento geográfico, controle e pesquisa do clima, entre inúmeras outras possibilidades.

airbag O entendimento do movimento dos corpos nos possibilita estimar o tempo de uma viagem, velocidades adequadas para a segurança nas estradas, além da inclinação correta das estradas para que o veículo faça a curva   com segurança. E ainda, a questão de segurança relacionada ao fato do pneu de um carro não poder estar desgastado, pois se assim não for o atrito do pneu com o chão diminui, aumentando assim o risco de acidentes fatais. Podemos ainda citar tecnologias como o freio ABS, que impede o travamento das rodas aumentando a eficiência da frenagem, pois nesse caso o atrito estático é que está presente e não o atrito cinético, sendo o  atrito cinético geralmente menor que o estático. Ainda podemos citar os air bag, que diminuem o impacto do passageiro em caso de acidentes.

 

Interessante citar também aplicações que estão “embaixo do nosso nariz”, mas não percebemos. É o caso, por exemplo, de alicates, roldanas, abridores de lata, carrinho de mão, plano inclinado, sendo estes exemplos do que denominamos de “máquinas simples” que utilizamos com muita frequência em nosso cotidiano e que certamente facilitam muitas de nossas tarefas. Nesse contexto podemos enfatizar o sistema de alavanca que diminui a força a ser aplicada para conseguir girar alguma coisa como, por exemplo, um parafuso de uma roda de carro, ou o sistema de roldanas que são muito utilizados na construção civil para erguer quantidades grandes de massa.

roldana
roda
tesoura

 

Enfim, poderíamos passar o dia inteiro apenas listando os itens utilizados no nosso cotidiano que são fruto dos estudos sobre a Mecânica Clássica e que vem nos proporcionando cada vez mais melhorias na nossa qualidade de vida.

O estudo não só da Mecânica ou da Física, mas sim de todas as Ciências possibilita o homem a se libertar, pois o cidadão que tem um mínimo de conhecimento científico poderá exercer sua cidadania com maior precisão, conseguindo participar de debates importantes sobre assuntos importantes como a questão energética, falta de água, aquecimento global e muitos outros. O país que foca e valoriza a alfabetização cientifica de seus cidadãos tem maior chance de prosperar e de melhorar a qualidade de vida da população.

Portanto, é necessário que nos atentemos a esse respeito; é importante que cada um perceba a importância de aprender ciência, pois é ela quem proporciona os avanços tecnológicos que melhoram cada vez mais a qualidade de vida de todos, possibilitando grandes avanços para a humanidade, sem contar na possibilidade de libertação, autonomia e visão crítica que só o conhecimento verdadeiro pode proporcionar.

 

Quer saber mais?! Clique Aqui!
Voltar

Compartilhe:

    Projeto Física e Cidadania


    Acessos desde 02/04/2013: 422,156