UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

COE – Comissão Orientadora de Estágio

Você está em: Graduação > Graduação > Administração > COE - Comissão Orientadora de Estágio

A COE – Comissão Orientadora de Estágio, reserva esse espaço para informar a respeito de questões ligadas à atividade de estágio.

Composição da COE do Bacharelado em Administração/FACC:

Prof.ª Márcia Cristina da Silva Machado (Presidente)
Prof.ª Rebecca Impelozieri Moura da Silveira
Prof.ª Lilian Alfaia Monteiro
Prof.ª Renata de Almeida Bicalho Pinto

 

 

 

Tutorial para preencher a documentação de estágio no SIGA: Termo de Compromisso e Plano de Atividades  (Em 04/07/19)
 
Clique Aqui: Link 
 
 
 

Formulários importantes:

Formulário de Solicitação de Assinatura da COE para Estágio

Termo de Compromisso de Estágio & Plano de Atividades do Estágio

Índice de Rendimento Acadêmico (IRA) inferior a 60%

Documentos importantes:

Legislação do estágio

RAG – Regimento Acadêmico da Graduação (Capítulo VII, Dos Estágios)

Regulamento de estágios do Bacharelado em Administração da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis da Universidade Federal de Juiz de Fora (p.94)

 

***

Orientações complementares 001 e 002/2016 da COE

 
O Regulamento de Estágios do Bacharelado em Administração atribui à Comissão Orientadora de Estágios:
Art. 8
vi. elaborar orientações complementares a este regulamento e propor alterações neste instrumento ao Colegiado do Bacharelado em Administração.
 
Com base nesse dispositivo, a COE faz saber:
 
Orientação complementar no. 001/2016
 
Todos os pedidos de estágio serão avaliados em até 5 dias úteis.
 
 
Orientação complementar no. 002/2016
 
Considerando o mesmo Regulamento em seus artigos 3º e 4º:
 
Artigo 3º – As atividades relativas ao estágio devem ser desenvolvidas em um contexto diretamente associado às diretrizes curriculares do Bacharelado em Administração.
 
Artigo 4º – São objetivos do estágio:
 
iv. viabilizar ao discente participação efetiva, sob supervisão, em um ambiente de trabalho, oportunizando a aprendizagem a partir de experiências práticas;
v. fomentar o desenvolvimento do espírito crítico do discente em relação ao ofício de Administrador;
vi. aproximar o discente de atividades próprias da profissão de Administrador, para que este se familiarize com funções gerenciais, como planejamento, organização, direção e controle;
vii. favorecer a integração do meio acadêmico com organizações públicas e privadas;
viii. contribuir para o aprimoramento de processos nas unidades concedentes do estágio.
 
Assim, os pedidos de estágio em administração devem ser enquadrados nos quesitos mencionados por ambos os artigos do Regulamento para serem avaliados pela COE.

 

***

 

Em breve a COE divulgará orientações para a confecção de relatórios de estágio e outros procedimentos de acompanhamento da atividade.