UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Coletivo Flores Raras e Diretoria de Ações Afirmativas iniciam Campanha de Visibilidade Lésbica

Data: 29 de junho de 2017

IMG_5390

Mesa de abertura da Campanha de Visibilidade Lésbica foi transmitida, ao vivo, pelo Flores na página da UFJF e está disponível no Youtube/ Foto: Leo Barbosa

Em celebração ao Dia Internacional do Orgulho LGBT e dando início à Campanha de Visibilidade Lésbica, a Diretoria de Ações Afirmativas (Diaaf) e o Coletivo Flores Raras, nessa última quarta feira, 28,  realizaram a mesa redonda  “Desafios de acesso e permanência das lésbicas na Universidade”. O evento aconteceu na Faculdade de Educação (Faced) e contou com transmissão ao vivo pelo canal do Flores no Youtube e pela página UFJF.

A sessão foi composta pela professora Daniela Auad, líder do coletivo, pelas pesquisadoras Ana Luisa Cordeiro e Luciene Mochi, e também pela  técnico-administrativa em educação Natália Paganini. Através de vídeos, a  vice reitora da UFJF Girlene Alves da Silva e a ouvidora especializada da Diaaf Vânia Bara deram suas contribuições ao evento.

IMG_5366

Após a mesa, alun@s da disciplina Feminismos, Gênero e Intersecções exibiram seus trabalhos práticos na exposição “Sem sapatão não há revolução”

Após a mesa, alun@s da disciplina “Feminismos, Gênero e Intersecções: bons álibis para romper a ordem compulsória ou comprar uma boa briga”, ministrada por Auad,  exibiram seus trabalhos práticos na mostra “Sem sapatão não há revolução”. A campanha de Visibilidade Lésbica contará com outras ações e eventos, promovidos pela Diaaf e pelo Flores Raras, durante os meses de julho e agosto.

Educação, Comunicação e Feminismos – Grupo de Estudos e Pesquisas