UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Detalhes das Atividades 2019

Você está em: Eventos > Semana da Computação > Edição 2019 > Detalhes das Atividades 2019

Data Titulo Assunto Nome Divulgação Minicurrículo
21/10/2019 Criando Apps Cross Plataformas em minutos Neste minicurso criaremos uma solução multi-plataforma capaz de tirar fotos e publicar nas redes sociais. Landerson Gomes MVP da Embarcadero e Coord. Nacional do Programa Acadêmico da Embarcadero.
21/10/2019 Containers, nuvem e DevOps com Docker Através da revolução na infraestrutura de sistemas e serviços para internet, O Docker se consolida cada vez mais como a principal forma de desenvolver e aplicações em containers, possibilitando escalabilidade e portabilidade das ferramentas com a agilidade que o ecossistema atual demanda. Neste curso serão abordados conceitos fundamentais da plataforma, comandos e aplicações básicos e a orquestração dos containers com o docker-compose. Vinicius Schettino Graduado em Sistemas de Informação pela UFJF, e Mestrando em Engenharia de Software na mesma instituição. Experiência em sistemas web com Python, PHP, PostgreSQL, Node.js, Elasticsearch, Redis, entre outras. Trabalha há mais de 8 anos com análise, projeto e desenvolvimento de sistemas para internet e gerenciamento de servidores e serviços Linux. Atualmente é servidor do quadro efetivo da UFJF, atuando na faculdade de engenharia com administração de sistemas e desenvolvimento. Participo de projetos de pesquisa e consultoria para empresas de médio e grande porte da região e de alcance nacional. Atuo em diversas áreas da Engenharia de Software, aplicando conhecimentos adquiridos e buscando me manter atualizado em tecnologias e tendências emergentes. As principais linhas de pesquisa são ecossistemas de software, desenvolvimento distribuído, evolução de software, desenvolvimento ágil e banco de dados.
21/10/2019 Desenvolvendo o jogo FlappyBird para Android com Construct2 Construct 2 é um editor de jogos 2D baseado em HTML5, desenvolvido pela Scirra Ltda. É destinado para todos os níveis de programadores, permitindo a criação rápida de jogos, por meio do estilo Drag-and-Drop usando um editor visual e um sistema de lógica baseada em comportamento. Você criará um game completo no Construct2 e também aprenderá a converter seu game para o formato apk, podendo também usar suas próprias sprites. Yuri Medeiros da Silva Santos Graduando em Engenharia Computacional UFJF. Professor do Curso de Pré Concursos (2016-2018). Professor do Centro de Estudos Múltiplo (2016-2018). Professor de Física da Rede Apogeu (2018-atual). Tutor do Programa de Universalização da Informática (2018-atual). Ligante da Liga de Medicina de Ciência de Tecnologia (2018-atual). Fundador e Professor da Academia Gamer (2019-atual), escola voltada para o ensino da criação de jogos na cidade de Matias Barbosa.
21/10/2019 Falei de Terra Plana no YouTube. Veja no que deu! O uso de plataformas digitais como ferramenta pedagógica. Luiz Aquino Eu sou um Nerd, Programador e Professor de Matemática, sempre antenado em Ciência e Tecnologia. A minha graduação foi em Licenciatura em Matemática (2004) pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Nesta mesma instituição, fiz também minha pós-graduação lato sensu, a Especialização em Educação Matemática (2006). Já no Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), eu fiz minha pós-graduação stricto sensu, o Mestrado em Modelagem Computacional (2011) e atual doutorando.
21/10/2019 Introdução a Pixel arte para games com Piskel O Piskel é uma excelente opção para criar pixel art e sprites animados para games, tendo uma interface bem intuitiva ele te permite trabalhar sombras e degradês, alterar cores, ajustar a iluminação, caneta espelhada e muito mais. Durante a aula vamos modelar personagens clássicos trabalhando as ferramentas do software e criar as artes do game FlappyBird para o Minicurso das 16h. Yuri Medeiros da Silva Santos Graduando em Engenharia Computacional UFJF. Professor do Curso de Pré Concursos (2016-2018). Professor do Centro de Estudos Múltiplo (2016-2018). Professor de Física da Rede Apogeu (2018-atual). Tutor do Programa de Universalização da Informática (2018-atual). Ligante da Liga de Medicina de Ciência de Tecnologia (2018-atual). Fundador e Professor da Academia Gamer (2019-atual), escola voltada para o ensino da criação de jogos na cidade de Matias Barbosa.
21/10/2019 Introdução ao C++ moderno A linguagem C++ foi inicialmente desenvolvida por Bjarne Stroustrup como um adicional a linguagem C que permitia a programação utilizando o paradigma orientado a objetos, com isso, desde os anos 90 se tornou uma das linguagens mais utilizadas comercialmente e na academia devido ao seu desempenho. Com o lançamento de novas versões muitas funcionalidades foram adicionadas a linguagem e atualmente a forma de programação nas suas versões recentes se difere muito da linguagem C. Este minicurso tem como intuito introduzir ferramentas adicionadas a partir da versão C++11, que é a considerada como onde começa o C++ moderno, tentando mostrar como programar no idioma das novas versões e mostrando o porque de evitar a forma de programar da linguagem C. Mateus Coutinho Marim Mateus Coutinho Marim: cursa o último período de Ciência da Computação. Ex integrante da equipe de competição Rinobot, onde desenvolveu um sistema de visão computacional em C++ para o futebol de robôs autônomo. Voluntário no laboratório de linguística computacional FrameNet. Desenvolvedor no projeto do UFJF-MLTK, um framework para algoritmos de aprendizado de máquina em C++. Presidente do DA dos cursos de SI e CC (DAComp).
21/10/2019 Introdução ao Machine Learning com Scikit Learn O termo Aprendizado de Máquina (do inglês Machine Learning) vem se popularizando cada vez mais nos últimos anos. Uma maneira fácil de ter o primeiro contato com essa área é através do Scikit Learn, uma biblioteca código aberto de Aprendizado de Máquina para a linguagem Python. Este minicurso fará uma introdução teórica ao Machine Learning e abordará na prática alguns algoritmos disponibilizados pela biblioteca citada. João Victor Balboa e Caio Vincenzo Alunos de Sistemas de Informação na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), cursam atualmente o 5° período. Participam de projetos na área de Machine Learning, tendo experiência na linguagem Python e no uso da biblioteca Scikit Learn, principalmente para problemas de classificação.
21/10/2019 O que os jogos analógicos podem ganhar com computação. Jogos analógicos são muitas vezes negligênciados pelos estudantes de computação interessados em criar jogos. Porém os conhecimentos de computação podem fazer toda diferença no desenvolvimento de um jogo analógico. Vamos ampliar a visão de como podemos trabalhar com jogos, mostrar novas possibilidades de como trabalhar nesse mercado tão desejado. Joshua Kritz Minicurrículo: Sou desenvolvedor de jogos. Formado em Matemática aplicada a ciencia da computação. Faço mestrado na COPPE em engenharia de dados e conhecimento. Estudo jogos no laboratório LUDES, tendo um foco em modelagem e entendimento de jogos, principalmente analógicos, mas juntos trabalhamos com todo tipo de conhecimento sobre jogos.
21/10/2019 Pode o subalterno jogar? A palestra debate as possibilidades de criação de jogos a partir de uma perspectiva decolonial.
Atualmente tanto o processo quanto o imaginário empregado na criação e fruição de jogos parte de
uma perspectiva eurocêntrica, particularmente no que se refere a jogos em cenários de Fantasia ou
Ficção Científica. Os tropes e clichês das produções anglo-americanas se tornaram dominantes a
ponto de só serem percebidos em suas versões mais caricatas. Uma produção brasileira deve
buscar alternativas para evitar ser “mais do mesmo”, ou pior, “uma versão de 2ª classe do mesmo”
A questão passa também pela problemática de apoio à diversidade e falta de representatividade
que vem sendo debatida tanto nos ambientes de jogos quanto no de outras produções narrativas.
É inegável a satisfação de segmentos populacionais que antes não se sentiam representados ao
se verem nas narrativas, muitas vezes para a surpresa dos segmentos que já se viam
representados.
Essa visão eurocêntrica colonizou nosso imaginário e métodos de trabalho, daí a necessidade de
uma perspectiva decolonial. Para Catherine Walsh “a decolonialidade representa uma estratégia
que vai além da transformação da descolonização, ou seja, supõe também construção e criação.
Sua meta é a reconstrução radical do ser, do poder e do saber”. A questão é como escapar dessa
visão eurocêntrica se ela é tão definidora do nosso imaginário e forma de trabalhar?
Como já problematiza o escritor Fábio Kabral, ao falar sobre afrofuturismo, para descolonizar basta
pintar e vestir estruturas eurocêntricas com cores e roupas de outras etnias e culturas?
Concordamos com Kabral que é preciso ir muito além disso de mudar o revestimento, é preciso
configurar novas estruturas visuais e narrativas. A onipresente “Jornada do Herói” é uma estrutura
já consagrada, mas vê-la como universal e recorrente a todas as culturas não será uma postura
eurocêntrica. Considerá-la como “necessária” quando não “única” não será um elemento limitador
da criatividade. Teremos então uma “miopia criativa” nos obriga, ainda que inconsciente, a
permanecer presos no labirinto das mesmas estruturas. Essas e outras questões serão trabalhadas
na palestra por Eliane Bettocchi, professora, game designer e ilustradora, e Carlos Klimick, game
designer e roteirista, respectivamente uma mulher negra e um homem branco, ambos em busca de
novas perspectivas não eurocêntricas para a criação e desfrute de jogos.
Carlos Klimick & Eliane Bettocchi Carlos Eduardo Klimick Pereira é pioneiro na criação de RPGs de mesa brasileiros e na sua aplicação para fins educacionais. Co-
autor do já clássico RPG “Desafio dos Bandeirantes” o 1º a se basear na História e Mitologia do
Brasil, e dos RPGs “Era do Caos”, “Império”, “Esferas”, e “Incorporais” nos cenários “Terra Nova”,
“Brasil Barroco”, “Era da Escolha”, “Witchcraft Tales”, “Arcádia”. Designer Instrucional com
experiência de 20 anos na criação de jogos narrativos para fins educacionais no Ensino Básico e
Superior. Professor Universitário. Mestre em Design, Doutor em Letras pela PUC-Rio



Eliane “Lilith” Bettocchi é professora associada do Bacharelado Interdisciplinar em Artes e Design do Instituto de Artes e
Design da Universidade Federal de Juiz de Fora. Coordena o grupo de pesquisa Histórias
Interativas: estudo e projeto de ludonarrativas e o Laboratório Interdisciplinar de Linguagens para
licenciaturas da UFJF. Foi consultora de Design da Cátedra Unesco de Leitura PUC-Rio, onde
coordenou projeto de formação de professores de ensino médio com apoio da Faperj. Atuou por 19
anos como profissional de ilustração e design gráfico, direção de arte e game design, com ênfase
em jogos narrativos comerciais e educacionais. Pós-graduação lato sensu em Teoria da Arte pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1998), Mestrado (2002) e Doutorado (2008) em Design
pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.
21/10/2019 Transformando estudantes em fãs O uso de plataformas digitais como ferramenta pedagógica. Ivys Urquiza – Engenheiro Elétricista – Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).
– GCI: Google Certified Innovator (há apenas 80 no Brasil).
– Embaixador do YouTube Educação (há apenas 4 no mundo).
– Único educador no mundo que possui as duas certificações acima.
– TEDx speaker – 2 apresentações, sendo uma delas: sobre educação e plataformas digitais:
https://www.youtube.com/watch?v=PiyZ6JK_UHs
– Palestrante na CPBR (campus party BR) por 5 anos consecutivos no palco Ciência/STEAM
– keynote speaker da caravana Amplifica (com GCIs) 18 apresentações em 5 anos
– keynote speaker do #CresçaComOGoogle (maior caravana de letramento digital organizada pelo Google no Brasil) 11 apresentações em 2 anos
– Agraciado em 2018 com a comenda educacional Jarede Viana (comenda concedida pela Câmara dos Vereadores de Maceió, AL, para profissionais de reconhecido destaque na área de educação).
22/10/2019 A computação aplicada à educação: novos paradigmas de ensino. Com o tempo, a educação foi aderindo o uso da computação de maneira abrangente. O acesso a materiais educacionais foi de um passado com livros monocromáticos, a uma atualidade com uso de multimídias, chegando a repositórios com materiais disponíveis ao aluno todo o tempo. A palestra aborda diferentes aplicações da infomática na educação, tanto como ferramenta para alunos, como ferramenta para gestores, suas influências e as possibilidades da exploração da computação em novas maneiras de ensino. Carchedi Formado como técnico em informática pelo CTU/UFJF e em Ciência da Computação pela UFJF, Luiz Carlos Carchedi possui o mestrado pela mesma instituição, desenvolvido com ênfase na área de multimídia. Durante seu mestrado, desenvolveu o sistema Avalia Online, uma ferramenta para a avaliação da oralidade na leitura de alunos em processo de alfaetização. Durante a graduação, em parceria com o departamento de anatomia da UFJF, desenvolveu projetos voltados para o uso da infomática no ensino de anatomia.
22/10/2019 Cenário Econômico no Brasil e Impactos para o Empreendedorismo A palestra abordará sobre o cenário econômico atual e suas tendências no país, avaliando seus impactos para o empreendedorismo. Guilherme Ventura GUILHERME VENTURA é economista (UFJF) e Mestre em Economia (PUC-RJ). Professor do CES/JF. Coordenador dos Cursos de MBA em Gestão da PUC-MG. Sócio-diretor da Itaúba Serviços Especiais, empresa de assessoria e consultoria econômico-financeira.
22/10/2019 Entendendo a Nintendo na teoria e na prática A palestra irá mostrar como a empresa japonesa Nintendo evoluiu e se solidificou durante seus 130 anos de história, fazer uma análise da estratégia da empresa baseada no modelo de gestão japonês, mostrar como eles conseguem ser inovadores na forma como pensam e constroem seus produtos e demonstrar que ela está muito bem posicionada para o futuro. Junto com a palestra haverá uma demonstração prática utilizando um Nintendo Switch com gameplay intercalado ao conteúdo de uma forma leve e didática. Pedro Neto Graduado em administração pela UFJF, professor de empreendedorismo no SEBRAE – MG. Sempre trabalhou no campo de tecnologia e foi CMO de duas startups. Em 2017 criou a Imersa, uma startup incubada no CRITT que atua no campo de economia criativa e tem o objetivo de combinar tecnologias de inteligência artificial e machine learning em contextos de Big Data, com especialistas criativos para contar histórias engajadoras em diferentes plataformas, hoje conta com 17 colaboradores e está em fase de tração.
22/10/2019 Introdução à Bitcoin No momento, criptomoedas já são conhecimento geral – em especial, a primeira e mais bem-sucedida, Bitcoin. Seu grande diferencial está em ser descentralizada. Pode a Bitcoin competir com outras formas de dinheiro? Como ela funciona? Arthur Webler Arthur graduou-se em Ciência da Computação na UFJF em julho de 2019. Seu TCC e alguns trabalhos de disciplinas foram sobre aspectos das criptomoedas
22/10/2019 Introdução a Godot Minicurso mostrando os conceitos usados na engine Godot e desenvolvimento dos conceitos na prática. Ricardo Tristão Estudante de Sistemas de Informação pelo IF Sudeste MG, 2 participações na Global Game Jam usando a Godot Engine, monitor de algoritmo e estrutura de dados por 2 anos.
22/10/2019 Introdução à Programação com Python O objetivo do minicurso é introduzir os aspectos básicos da linguagem Python (sintaxe, tipos de dados, construções básicas, construção de funções, listas, tuplas e dicionários), e então apresentar os conceitos de análise de dados utilizando algumas bibliotecas como matplotlib e numpy. Daniel Souza Ferreira, Giulia Fritz Iennaco e Yuri Ramos Corrêa Daniel, Giulia e Yuri são alunos do curso de graduação em Engenharia computacional e bolsistas do Grupo de Educação Tutorial da Engenharia Computacional
22/10/2019 Introdução ao Latex LaTeX é um conjunto de macros para o software de diagramação de textos TeX. Muito utilizado na produção de textos técnicos e científicos, o LaTeX é um software livre indicado para quem deseja elevar a qualidade e produtividade no desenvolvimento de artigos e apresentações. Com o objetivo de ensinar não só aos estudantes da Ciência da Computação, mas também qualquer pessoa interessada em aprender a utilizar o LaTeX, esse minicurso abordará como começar a escrever artigos e apresentações em TeX, passando por alguns ambientes muito utilizados, como: listas, tabelas, equações e figura. Camila Saporetti Doutoranda em Modelagem Computacional na Universidade Federal de Juiz de Fora. Mestre em Modelagem Computacional pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Graduada em Bacharelado em Ciências Exatas pelo Instituto de Ciências Exatas, em Engenharia Computacional pela Faculdade de Engenharia e em Ciência da Computação pelo Instituto de Ciências Exatas todos pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Tem interesse na área de Ciência da Computação, com ênfase em Inteligência Computacional.
22/10/2019 Introdução ao ReactJS A proposta do minicurso é lhe guiar a desenvolver aplicações com interface dinâmica utilizando uma ferramenta poderosa empregada em grandes empresas como Facebook, Instagram e Mercado Livre. Esse minicurso irá introduzir métodos, fundamentos e bibliotecas para construção de aplicações incríveis em ReactJS. Patrick Barbosa Graduando em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Juiz de Fora. Trabalha atualmente como desenvolvedor front-end, desenvolvendo aplicações web na Smarti9 Communication
22/10/2019 Maratona Júnior de Programação Maratona de Programação como treinamento para competições utilizando juiz online para alunos matriculados em Algoritmos Igor Knop Professor Adjunto no Departamento de Ciência da Computação UFJF. Mestre e Doutor em Modelagem Computacional pela UFJF
22/10/2019 Não se apaixone pela sua ideia! A importância de pivotar sem perder o propósito e o dia a dia da Yunikon como empresa de desenvolvimento Thamyres Guedes CEO/Founder na Yunikon. Tecnóloga em Redes de Computadores por formação, desenvolvedora Front-End por experiência e startupeira. Trabalho há mais de 9 anos na área de desenvolvimento e hoje tenho uma empresa de desenvolvimento e uma startup no ramo alimentício.
23/10/2019 A Internet de tudo: dos sensores à analise de dados Depois dos computadores e da Internet em si, Internet das Coisas (IoT) é anunciada como uma nova era. Entretanto, IoT já é, atualmente, associada a muito mais que coisas e sensores. Os dados gerados e a capacidade de empresas de tratá-los passa a ser um dos grandes focos de pesquisa. O tema é tão complexo que até empresas tradicionais são forçadas a evoluir e fazer novas parcerias. Nesta palestra, apresentarei uma visão geral das minhas atividades de pesquisa que, de forma holística, tentam tratar toda cadeia de aquisição e tratamento de dados na Internet. Irei apresentar temas que envolvem a criação de plataformas de redes sensores, desenvolvimento de meios eficientes para transmissão de dados em redes e, o tratamento e análise desses dados. Em particular, apresentarei um exemplo de pesquisa —fruto de parceria entre academia e indústria— que mostra como Data Science e, em especial, Network Science são usados para melhorar a experiência de usuários de streaming ao vivo em grandes eventos na Internet. Alex Borges Vieira Alex Borges Vieira é professor associado do departamento de Ciência da Computação da Universidade Federal de Juiz de Fora. Vieira é pesquisador nível 2 do CNPq. Atualmente, atua como pesquisador visitante no Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), com financiamento CNPq (PDS). Seus interesses de pesquisa incluem redes de sensores, IoT, caracterização, modelagem e análise de redes de computadores e ciência de redes. Vieira recebeu seu título de doutor em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Minas Gerais em 2010. Ele é membro da IEEE, ACM e Sociedade Brasileira de Computação.
23/10/2019 Arquitetura de microsserviços: Aplicações como peças de LEGO Arquitetura de microsserviços e como integrar diversas aplicações de forma eficiente para construir a melhor solução. André Caetano Estudante de Ciência da Computação na UFJF e Desenvolvedor de Software na iClips, com experiência em .NET Core e Angular. Trabalhou na construção e manutenção de aplicações web e APIs RESTful e foi responsável por implementar uma arquitetura de microsserviços em projetos na iClips.
23/10/2019 Computadores para todos Imagine como seria se todos os jovens (mesmo os de comunidades mais carentes) pudessem ter um computador, para estudar, aprender, navegar, e se desenvolver. Neste conteúdo Tiago Gouvêa vem apresentar uma ideia bem estruturada de como tornar isso realidade, para todos validarem, opinarem e dizerem se irão ou não ajudar este grande projeto acontecer. Caso o projeto aconteça, poderemos apresentar ele na próxima Campus Party Brasil, em São Paulo no começo de 2020. Tiago Gouvêa Programador Sênior e apaixonado por computadores desde a primeira vez que usou um. Responsável pelo Google Developers Group em Juiz de Fora e diretor da startup App Masters, voltada para o desenvolvimento de aplicativos e sistemas web. Atualmente fazendo parte da criação do ecossistema de startups Zero40, em Juiz de Fora. Gosta de fazer código e beber café.
23/10/2019 Conhecendo o Linux O curso de Linux busca introduzir aos participantes o funcionamento básico destes Sistemas Operacionais. Ao longo do curso abordaremos os seguintes temas: introdução histórica, vantagens, desvantagens, comandos básicos do terminal, instalação/desinstalação de programas e principais alternativas ao MS Office. Será utilizada a distribuição Mint. André Felipe de Souza Mota, Gabriel de Oliveira Machado e Lucas Augusto Muller de Souza Gabriel é técnico em Informática Industrial pelo CEFET/MG, Bacharel em Ciências Exatas (UFJF), mestrando em Matemática (UFJF). André e Lucas são bolsistas do Grupo de Educação Tutorial da Engenharia Computacional. Todos são alunos do curso de Engenharia Computacional.
23/10/2019 Deixando seu React SEO friendly com o Next.js Next.js é uma biblioteca com várias ferramentas para montar o site utilizando o React, mas não como um single page aplication, podendo aproveitar todas as vantagens em questão de SEO. Baraky Engenheiro Mecatrônico e progamador a quase 3 anos na App Masters e mais de 15 projetos React em publicados, atualmente usando o Next.js como ferramenta para server-side rendering do React.
23/10/2019 Desafios para implementação de Metodologias Ágeis A Metodologia Ágil vem sendo cada vez mais utilizada por empresas de desenvolvimento de software, desde que se consolidou por meio da criação do “Manifesto Ágil”. Porém, na busca de atingir uma alta performance, as organizações acabam por esquecer os princípios básicos da metodologia e que sua adoção é mais do que simplesmente seguir uma cartilha ou um conjunto de normas. É necessário que a empresa e sua equipe se transformem!
A palestra tem o intuito de compartilhar um pouco sobre o processo de transformação ágil em uma multinacional, os principais desafios e lições aprendidas nesse processo.
Lucas Amaral Graduado em Tecnologia em Sistema para Internet pelo IFET – Sudeste de Minas Gerais e MBA em Gestão de Projetos de TI pela Universidade Federal de Juiz de Fora.
Há seis anos atuando como desenvolvedor .NET e atualmente é líder técnico e especialista em desenvolvimento de software na Thomson Reuters em Juiz de Fora/MG.
23/10/2019 Empresas SaaS: Onde vivem, O que comem e Como geram milhões de reais Arquitetura SaaS e sua influência na escalabilidade do modelo de negócio das maiores empresas – da iClips à Netflix Márcio Lopes Mestre em Sistemas Computacionais pela UFJF, Co-Founder e CCO na iClips
23/10/2019 Introdução ao método dos elementos finitos através da biblioteca FEniCS Conhece ou quer conhecer sobre equações diferenciais parciais? Quer saber como resolvê-las numéricamente de maneira simplificada? FEniCS é um pacote de ferramentas focado na solução de problemas do valor de contorno, também conhecidas como Equações Diferenciais Parciais(EDP), utilizado a abordagem do método dos elementos finitos(MEF). Sua implementação é feita através da linguagem de programação Python de forma bem direta, já que o código pode ser montado bem pŕoximo a uma notação matemática. Esse minicurso fará uma introdução ao método dos elementos finitos, partindo de como reescrever uma EDP em uma forma fraca. A equação de Poisson em 1D será resolvida utilizado o MEF e questões como discretização, condições de contorno e solução do problema similar serão discutidas. O curso seguirá mostrando como montar um código em Python com a biblioteca FEniCS e a resolução de problemas mais complexos presentes no dia a dia será descutida, como por exemplo, um problema de difusão estacionária e transiente em 2D, um problema de escoamento em meios porosos em 2D e um problema de mecânica dos sólidos. Evandro Gaio Engenheiro Mecânico(2017) e Mestre em Modelagem Computacional (2019) pela UFJF, com experiência científica internacional (CSU, UCSD e Simula), tem experiência na solução de problemas multifísicos através do método dos elementos finitos.
23/10/2019 Maratona de Programação Maratona de Programação como treinamento para competições utilizando juiz online Bárbara Quintela Professora Adjunta no Departamento de Ciência da Computação UFJF. Bacharel em Sistemas de Informação (2006) e Especialista em Engenharia de Software (2012) pelo CESJF. Mestre (2011) e Doutora (2015) em Modelagem Computacional pela UFJF com período sanduíche no LANL, EUA, e especialista em Docência do Ensino Superior (2016) pela UCDB. Atua principalmente em imunologia computacional utilizando equações diferenciais.
23/10/2019 Vivência e Atuação no Trabalho Remoto O trabalho remoto vem ganhando cada vez mais adeptos no Brasil e, as empresas têm aumentado o número de profissionais contratados nessa modalidade. Entretanto, nem todos estão preparados ou têm conhecimento suficiente para essa forma de trabalho. Nesse sentido, experiências e processos no dia a dia do trabalho remoto serão apresentados, a fim de fomentar e criar reflexões sobre essa tendência no mercado de trabalho. Aldemon Bonifácio Arquiteto de Desenvolvimento na iClinic e doutor em Modelagem Computacional pela UFJF. Atua há mais de 20 anos na área de tecnologia da informação, trabalhando com planejamento, avaliação e execução no desenvolvimento de novos programas, com manutenção e gerenciamento de banco de dados e com coordenação de grupos de trabalho. No período acadêmico empregou conhecimentos de inteligência artificial, programação distribuída e modelagem do concreto.