UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora

Origens

Você está em: Origens

Origens do Arquivo Central 
      

O Arquivo Histórico da UFJF iniciou suas atividades em 25 de março de 1985. Foi instituído como Órgão Suplementar da Universidade em 24 de julho de 1993, vinculado à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. Até 2011, em seus 26 anos de existência, atuou como um centro de memória social, órgão de natureza exclusivamente acadêmica. 

Nessas condições, o Arquivo Histórico não tinha qualquer responsabilidade com a gestão documental da UFJF ou com seus documentos em fase permanente. Sua missão era contribuir para o ensino, pesquisa e extensão na área de História do Brasil, oferecendo suporte à pesquisa, nas áreas de ciências humanas ou não, que contemplasse uma perspectiva histórica dos fatos, no contexto brasileiro. 

O Arquivo Histórico fez várias tentativas, sem sucesso, de criar um sistema de arquivos na UFJF. Em 2011, apresentou proposta de criação do Sistema de Arquivos da UFJF (SIARQ-UFJF) e do Arquivo Central, acolhida pela Reitoria da Universidade e enviada ao Conselho Superior (CONSU), onde foi aprovada por meio da resolução n. 15,   de 31 de maio de 2011. O CONSU aprovou, também, a criação do Arquivo Central como órgão central do Sistema de Arquivos e responsável  pela normatização e coordenação do Sistema e pela custódia dos documentos em fase intermediária e permanente.

Para saber mais sobre a origem e implantação do Sistema de Arquivos da UFJF, leia a palestra intitulada “Criação e implantação do Sistema de Arquivos da UFJF”, de autoria  do ex-Diretor do Arquivo Histórico da UFJF, prof. Galba Ribeiro Di Mambro,  em mesa redonda de 22 de setembro de 2011, durante o Primeiro Simpósio Nacional de Arquivologia da UFMG (Sistemas de Arquivos Universitários: desafios e perspectivas) realizado em Belo Horizonte, de 21 a 23 de setembro de 2011.  O texto da palestra foi publicado na obra: VENÂNCIO, Renato; NASCIMENTO, Adalto (org.). Universidade & Arquivos: gestão, ensino e pesquisa. Belo Horizonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG, 2012, p. 141-161.

Atualmente, o Arquivo Central , além de guardar os documento produzidos pela UFJF, guarda os documentos que fazem parte da memória regional e atua como importante fonte de pesquisa para a comunidade desta universidade (alunos, professores e técnicos-administrativos em assuntos educacionais) além de interessados diversos. O Arquivo Central está organizado em quatro coordenações que são responsáveis pela gestão do sistema de arquivos, pela preservação do acervo  e pelos documentos que estão em fase intermediária ou permanente.

Como responsável pelo SIARQ-UFJF, o Arquivo Central promove ações como capacitação de pessoal e visitas técnicas, entre outras, que visam a implantação da gestão documental nas unidades.